fbpx

Relevância empresarial,econômica, política e social

por acm

Por Miguel Setembrino Emery de Carvalho, vice-presidente da Câmara de Valores Imobiliários – CVI/DF

Recentemente, o engenheiro Paulo Muniz assumiu a presidência da Associação das Empresas do Mercado Imobiliário do Distrito Federal – ADEMI/DF, com a nobre e árdua missão de dar prosseguimento ao trabalho de seus antecessores, em especial ao de Adalberto Valadão, que sedimentaram a instituição como uma das mais importantes e atuantes entidades de defesa e fomento ao desenvolvimento sustentável e harmônico do Distrito Federal.

No Brasil, infelizmente, ações de entidades empresarias buscando progresso, crescimento econômico e social para suas regiões costuma ser ingenuamente confundida com um mal disfarçado lobby corporativo, uma vez que as entidades e seus dirigentes só estariam visando atendimento a seus próprios interesses. Nada mais equivocado.

A atuação da ADEMI, aqui no Distrito Federal, é a prova viva de que entidades empresariais comprometidas com o bem comum não habitam apenas o terreno da ficção. Apenas na última década, que coincide com a gestão de Adalberto Valadão, a entidade viu crescer o número de associados, que passaram de 26 empresas em 2003, para as atuais 86, o que demonstra de forma cabal a união do setor, aumentando sua credibilidade e capacidade de articulação.

E as conquistas da entidade se espraiaram por todo o espectro de vida dos brasilienses. Podemos citar, dentre outras conquistas obtidas pela ADEMI-DF e que beneficiaram a comunidade como um todo, o aumento de recursos para a consolidação e melhoria da infraestrutura de Águas Claras; a ação da entidade em prol da melhoria das condições de mobilidade nas cidades do DF; a valorização do metro quadrado no DF, garantia de bom retorno à todos os que investem no mercado imobiliário local; a implantação do conceito e de ações de sustentabilidade nas edificações, dentre outras ações de impacto.

Mais recentemente, a entidade foi decisiva na concepção e implantação das Parcerias Público Privadas – PPP’s, o que proporcionou a criação do Setor Mangueiral e a construção do Setor Noroeste, possibilitando a consolidação definitiva do Plano Piloto da capital, tal e qual preconizado por Lúcio Costa, em seu projeto urbanístico.

Mas se iludem àqueles que pensam que esta combativa entidade se deita sobre os louros das vitórias conquistadas. Cada vez mais a ADEMI posiciona-se como interlocutora de peso do setor produtivo candango junto aos poderes constituídos, em todas as esferas, cobrando ações e atitudes dos entes públicos em prol do desenvolvimento do DF, hoje e sempre. E é com este espírito que saudamos a chegada de Paulo Muniz ao panteão dois líderes empresariais verdadeiramente comprometidos com o bem estar comum e com o crescimento da Nação. Temos a certeza que está à altura deste enorme desafio e a ele hipotecamos toda a nossa colaboração para que atinja seus nobres objetivos.

Olá! O nosso site usa cookies e, portanto, coleta informações sobre sua visita para melhorar nosso site. Por favor, consulte nossa página de política de cookies e  para mais detalhes ou concorde clicando no botão 'Aceitar'.

Configurações de cookies

A seguir, você pode escolher os tipos de cookies que permite neste site. Clique no botão "Salvar configurações de cookies" para aplicar sua escolha.

FunctionalNosso site usa cookies funcionais. Esses cookies são necessários para permitir que nosso site funcione.

AnalyticalNosso site usa cookies analíticos para permitir a análise de nosso site e a otimização para o propósito de usabilidade.

Social mediaNosso site coloca cookies de mídia social para mostrar conteúdo de terceiros, como YouTube e Facebook. Esses cookies podem rastrear seus dados pessoais.

AdvertisingNosso site coloca cookies de publicidade para mostrar anúncios de terceiros com base em seus interesses. Esses cookies podem rastrear seus dados pessoais.

OtherNosso site coloca cookies de terceiros de outros serviços de terceiros que não são analíticos, mídia social ou publicidade.