fbpx

Câmara de Tributação e Finanças Públicas da Fecomércio-DF é lançada para buscar justiça fiscal

A Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Distrito Federal (Fecomércio-DF) lançou na manhã desta terça-feira (28), na sede da entidade, a Câmara de Tributação e Finanças Públicas. O grupo tem como principal objetivo examinar, acompanhar, discutir e propor projetos que fortaleçam a economia brasiliense, além de promover a justiça fiscal. Na avaliação do presidente da Federação do Comércio, Francisco Maia, a questão tributária é atualmente uma das mais sensíveis para o empresariado do comércio, para o setor produtivo em geral e para a população brasileira.

Desde que assumiu a presidência da Fecomércio, Francisco Maia tem buscado trabalhar em sintonia com os anseios da iniciativa privada, com o intuito de encontrar soluções para fortalecer a competitividade das empresas e da economia local. “Atualmente as principais medidas para gerar emprego e renda no DF passam necessariamente pela simplificação tributária e pela redução de impostos. Por isso, a defesa desses objetivos será prioridade da câmara”, disse.

Maia destacou ainda que o trabalho será realizado por meio de um diálogo permanente com o empresariado, com as entidades do setor e com os representantes dos três poderes. “O intuito será sempre o de construir alternativas conjuntas entre a iniciativa privada e o Estado”, explicou. “A participação dos sindicatos da base da federação nesse processo também é de suma importância para engrandecer o nosso sistema”, concluiu o presidente da Fecomércio.

Entre os participantes da câmara estão advogados, economistas, empresários e entidades do setor. O diretor adjunto da Fecomércio-DF, Charles Dickens Ázara Amaral, estará à frente do grupo, como presidente. Para ele, esse tema é, de fato, o dia a dia das empresas, que gastam um bom tempo tentando entender a dificuldade do sistema tributário brasileiro. “É uma honra poder comandar essa Câmara cuja missão será enfrentar grandes desafios, como a burocracia, insegurança jurídica, a complexidade das normas brasileiras e a relação entre o fisco e o contribuinte”, ressaltou. “Esses desafios exigem debates profissionais e científicos para entender esses obstáculos e estudar a melhor forma de amenizá-los”, disse.

O ex-secretário da receita e integrante do Conselho Consultivo da Câmara de Tributação da Fecomércio, Everardo Maciel, explicou que o tributo é uma norma de rejeição social. “Em todos os tempos e lugares será objetivo de repressão, isso abre espaço para mitos e clichês. Primeiramente, é preciso separar os problemas que envolvem os tributos por partes para encontrar a solução para cada um deles, como a burocratização, falta de segurança jurídica e o excesso de tributos”, disse. “O Brasil gasta muito tempo com as obrigações tributárias. De 190 países, o Brasil está em 184º lugar, na frente de países como Somália, Venezuela e Congo. Acredito que temos que nos dedicar a esses problemas, que são muitos”, ressaltou Maciel, que se mostrou satisfeito em participar do grupo.

O secretário de desenvolvimento econômico, Ruy Coutinho, esteve presente na solenidade e destacou a parceria da Fecomércio com o Executivo local em prol da economia. “Trabalhamos juntos com a extinção do Difal e na redução do ICMS, criando uma isonomia fiscal no DF. A Fecomércio vem realizando um trabalho árduo e a criação dessa câmara será de extrema relevância, até pelos componentes do grupo, que são extremamente qualificados”, ressaltou o secretário.

O deputado Rodrigo Delmasso (PRB), participou do lançamento representando a Câmara Legislativa do DF. Ele disse que a casa está fazendo várias discussões sobre uma reforma tributária no DF, além de estar contribuindo com a agilidade na aprovação de projetos que viabilizem o emprego e a geração de renda na capital do País. “Nossa ideia é que a casa legislativa possa atender as propostas encaminhadas pelo setor produtivo para desburocratizar o nosso código tributário e diminuir as alíquotas para aumentar o emprego no DF”, enfatizou o parlamentar.

COMPONENTES DA CÂMARA

Presidente: Charles Dickens

Vice-Presidente: Adalberto Barros

Vice-Presidente (Sindical): Célio Ferreira de Paiva.

SINDICATOS

SINDVAMB – Cleber Clênio

SECOVI – Eduardo Pereira da Silva

Eduardo Pereira da Silva

SINDIGENEROS – Joaquim Pereira dos Santos – Vice-Presidente e Diretor da FECOMÉRCIO

Francisco Carvalho (Presidente do Sindigêneros)

SINDILOC – Júlio Torres

SINDIPEL – José Aparecido da Costa Freire

Samara de Oliveira Freire

SINDLAB – Alexandre Bitencourt

SINDVAREJISTA – Auro Vidigal

SINDVIDEO – Paolo Piacesi

SEPEBC – José Evanio Bernardo dos Santos

Amadeu Ceciliano Júnior

SINDMAC – Alexandre Soares Maciel

SINDHOBAR – José Vicente Rocha Estevanato

SINDIATACADISTA – Júlio Itacaramby, Roberto Gomide, Jacques Veloso, Anderson Nunes Pereira e Álvaro Junior.

SINDICOMBUISTÍVEIS – Paulo Roberto Correa Tavares

Paulo Roberto Correa Tavares

SINDESEI – Tarso Gonçalves Vieira

SINDISUPER – Jefferson Macedo Veneza

SINCOFARMA – Victor Bruno Rocha Araújo; Francisco Messias Vasconcelos

SINDAUTO – Francisco Joaquim Loiola

FIBRA – Ana Claudia Teixeira de Macedo

CONSELHO REGIONAL DE ECONOMIA – José Eustáquio M. Carvalho

OAB – Tiago Conde Teixeira

ACDF – Leonardo Resende

 CONSELHO CONSULTIVO SUPERIOR

– Everardo Maciel

– Erich Endrillo Santos Simas

– Jacques Veloso

– Juliano Costa Couto

– Roberto Piscitelli

Olá! O nosso site usa cookies e, portanto, coleta informações sobre sua visita para melhorar nosso site. Por favor, consulte nossa página de política de cookies e  para mais detalhes ou concorde clicando no botão 'Aceitar'.

Configurações de cookies

A seguir, você pode escolher os tipos de cookies que permite neste site. Clique no botão "Salvar configurações de cookies" para aplicar sua escolha.

FunctionalNosso site usa cookies funcionais. Esses cookies são necessários para permitir que nosso site funcione.

AnalyticalNosso site usa cookies analíticos para permitir a análise de nosso site e a otimização para o propósito de usabilidade.

Social mediaNosso site coloca cookies de mídia social para mostrar conteúdo de terceiros, como YouTube e Facebook. Esses cookies podem rastrear seus dados pessoais.

AdvertisingNosso site coloca cookies de publicidade para mostrar anúncios de terceiros com base em seus interesses. Esses cookies podem rastrear seus dados pessoais.

OtherNosso site coloca cookies de terceiros de outros serviços de terceiros que não são analíticos, mídia social ou publicidade.