fbpx

Operação Centro Legal coíbe comércio irregular no Setor Comercial Sul

Com o intuito de coibir o comércio irregular e outros crimes no Setor Comercial Sul, órgãos do governo de Brasília começaram nesta segunda-feira (11) a operação Centro Legal. Segundo o GDF, o objetivo da ação é combater o transporte irregular de passageiros, a prostituição, o tráfico, o uso de drogas e outras práticas no local.

No primeiro dia da operação, camelôs e vendedores de alimentos foram impedidos de montar bancas em vários pontos do setor. Policiais militares e servidores da Agência de Fiscalização do Distrito Federal (Agefis) deram orientações para aqueles que insistiam em vender os produtos.

De acordo com a Subchefia da Ordem Pública e Social, da Casa Militar, que coordena a operação, os trabalhos serão permanentes. A intenção do governo é garantir a ordem pública, dar segurança aos consumidores e aos comerciantes das quadras e revitalizar o espaço, além de desobstruir passagens.

Olá! O nosso site usa cookies e, portanto, coleta informações sobre sua visita para melhorar nosso site. Por favor, consulte nossa página de política de cookies e  para mais detalhes ou concorde clicando no botão 'Aceitar'.

Configurações de cookies

A seguir, você pode escolher os tipos de cookies que permite neste site. Clique no botão "Salvar configurações de cookies" para aplicar sua escolha.

FunctionalNosso site usa cookies funcionais. Esses cookies são necessários para permitir que nosso site funcione.

AnalyticalNosso site usa cookies analíticos para permitir a análise de nosso site e a otimização para o propósito de usabilidade.

Social mediaNosso site coloca cookies de mídia social para mostrar conteúdo de terceiros, como YouTube e Facebook. Esses cookies podem rastrear seus dados pessoais.

AdvertisingNosso site coloca cookies de publicidade para mostrar anúncios de terceiros com base em seus interesses. Esses cookies podem rastrear seus dados pessoais.

OtherNosso site coloca cookies de terceiros de outros serviços de terceiros que não são analíticos, mídia social ou publicidade.