fbpx

Governo de Brasília diz que vai executar Plano Diretor do Turismo entregue pela Fecomércio

Com a finalidade de sugerir ações e acompanhar melhorias no turismo de Brasília, o presidente da Fecomércio, Adelmir Santana, entregou ao governador Rodrigo Rollemberg, na manhã desta terça-feira (8), na sede da Federação, um Plano Diretor de Turismo e Hospitalidade. A iniciativa pretende, até 2026, fazer da cidade um dos principais polos de eventos, negócios e turismo cultural. Entre as diretrizes presentes no documento estão estratégias de promoção, captação de eventos, infraestrutura e valorização dos espaços culturais. “Não se faz turismo sem a casa arrumada e sem uma boa recepção. Precisamos preparar os nossos equipamentos públicos para que as ações sugeridas sejam executadas. Conforme nos foi solicitado, estamos entregando um plano de turismo para o governo”, ressaltou Adelmir.

adelmir-e-rollemberg-plano-diretor-7

O governador de Brasília, Rodrigo Rollemberg, agradeceu a Federação do Comércio pela contribuição e disse que a iniciativa da Câmara de Turismo legitima parcerias e oferece a possibilidade de ações conjuntas entre o setor privado e o Estado. “Eu considero extremamente importante essa união proposta pela Fecomércio para que nós possamos ter um plano a ser seguido e que norteie o turismo local. Reconheço que os nossos equipamentos turísticos precisam ser melhorados. Com esse intuito recebo com muito orgulho esse documento que será de grande ajuda para o nosso governo”, disse Rollemberg. O governador destacou ainda que as parcerias com o setor produtivo trarão grandes ganhos para a sociedade. “Eu não tenho duvida que o turismo é uma das alternativas mais rápidas e mais baratas que garantem o desenvolvimento sustentável de uma população. Vamos ler esse plano com muita atenção para acompanhar cada passo”, afirmou Rollemberg.

O Plano Diretor do Turismo e Hospitalidade 2016-2026 faz parte de uma solicitação feita pelo governo em reunião do Conselho de Desenvolvimento do Turismo (Condetur). Na oportunidade, o governador solicitou a colaboração da Fecomércio no sentido de elaborar um documento com todas as discussões que são travadas na área. “Contratamos pessoas, consultores e contamos com a participação do Sebrae para elaborar esse documento. O plano visa a instigar o Estado a cumprir com seus deveres e suas missões. Estamos dando indicativos de uma série de políticas objetivando o desenvolvimento dessa importante área da econômica nacional”, explicou Adelmir. O documento possui mais de 80 páginas e foi elaborado pela consultora Maria das Mercês Torres Parente, a partir de planos locais e nacionais já existentes e com a orientação de especialistas e representante da Câmara de Turismo da Fecomércio.

Além de fomentar o turismo de eventos e negócios, a publicação salienta a importância da revitalização dos espaços culturais de Brasília e da importância de serviços turísticos de lazer e aventura às margens do lago Paranoá. O presidente da Câmara de Turismo e do Sindicato das Empresas de Promoção, Organização, Produção e Montagem de Feiras, Congressos e Eventos do Distrito Federal (Sindeventos-DF), Francisco Maia, afirmou que o objetivo é encontrar alternativas que solucionem gargalos do segmento e que tornem Brasília referência no turismo mundial. “Nosso intuito é agregar o setor produtivo com o governo. O documento atua na representatividade do setor empresarial do turismo e busca também a qualificação de empreendedores e trabalhadores”, disse. Francisco Maia lembrou que a Câmara de Turismo também lançou recentemente o Concurso Marca Brasília, com o objetivo de criar uma identidade visual para a capital da República, e pretende lançar em abril de 2017 um site com informações e serviços turísticos sobre Brasília.

adelmir-e-rollemberg-plano-diretor-39-1

O secretário de turismo do DF, Jaime Recena, destacou a colaboração da Fecomércio em propor ações que auxiliem o trabalho do governo e ofereçam qualidade de vida para população. “Não adianta o governo e o setor produtivo caminharem de forma diferente. Precisamos nos unir para fortalecermos a cadeia produtiva de Brasília e consequentemente melhorar o turismo no DF”, afirmou Recena. De acordo com o Plano Diretor de Turismo, há a necessidade de mais atenção com a qualificação de profissionais, a atração de investimentos, além do incentivo ao uso de tecnologias ambientalmente sustentáveis. Outro ponto de destaque é negociar melhorias na infraestrutura turística do DF, propiciando acessibilidade, mobilidade e conectividade aos brasilienses e aos visitantes.

O deputado distrital, Wasny de Roure (PT), que faz parte da recém-criada Frente Parlamentar do Turismo na Câmara Legislativa, solicitou o apoio do governador para uma revisão no valor de arrecadação do Fundo de Fomento à Indústria do Turismo do Distrito Federal – FITUR/DF. “Nosso papel é, sobretudo auxiliar e cobrar para melhorarmos a arrecadação do Fitur. Eu tenho certeza que os colegas da Câmara terão sensibilidade em rever as diferentes fontes de captação de recursos para o turismo”, disse Wasny. Durante a solenidade, a Fecomércio homenageou a consultora Maria das Mercês Torres, responsável pelo processo de planejamento do Plano Diretor. “Sou de origem piauiense, mas de vida, coração e existência eu sou brasiliense. Coordenar iniciativas para o crescimento de Brasília e desenvolver trabalhos em favor do turismo é o meu ideal e nossa militância”, afirmou Mercês.

Presentes

Também estiveram presentes, o vice-presidente da Câmara de Turismo e presidente do Sindicato de Hotéis, Restaurantes, Bares e Similares de Brasília (Sindhobar), Jael Antonio da Silva; o presidente do Sindicato do Comércio Varejista do DF (Sindivarejista), Edson de Castro; o presidente do Sindicato dos Laboratórios de Pesquisas e Análises Clínicas do DF, Alexandre Bitencourt; o presidente do Sindicato do Comércio Varejista de Material de Escritório, Papelaria e Livraria do DF (Sindipel), José Aparecido; o presidente do Sindicato das Empresas de Produção de Imagens, Fotografias, e Filmagens do DF (Sinfoc), Fernando Bizerra; o presidente do Sindicato do Comércio Varejista de Materiais de Construção do DF, Antonio Carlos Aguiar; o vice-presidente financeiro da Fecomércio e presidente do Sindicato das Videolocadoras do DF (Sindevídeo), Paolo Piacesi; o diretor-adjunto da Fecomércio, Hélio Queiroz; o diretor do Sebrae-DF, Antônio Valdir Filho; o deputado distrital, Agaciel Maia (PR); o deputado distrital, Israel Batista (PV); a presidente da Associação dos Dirigentes de Vendas e Marketing do DF (ADVB/DF), Cláudia Maldonado; o secretário adjunto de Relações Institucionais do DF, Igor Tokarski; o presidente da Associação Comercial do DF (ACDF), Cléber Pires; o presidente da Abrasel, Rodrigo Freire, entre outras autoridades.

Olá! O nosso site usa cookies e, portanto, coleta informações sobre sua visita para melhorar nosso site. Por favor, consulte nossa página de política de cookies e  para mais detalhes ou concorde clicando no botão 'Aceitar'.

Configurações de cookies

A seguir, você pode escolher os tipos de cookies que permite neste site. Clique no botão "Salvar configurações de cookies" para aplicar sua escolha.

FunctionalNosso site usa cookies funcionais. Esses cookies são necessários para permitir que nosso site funcione.

AnalyticalNosso site usa cookies analíticos para permitir a análise de nosso site e a otimização para o propósito de usabilidade.

Social mediaNosso site coloca cookies de mídia social para mostrar conteúdo de terceiros, como YouTube e Facebook. Esses cookies podem rastrear seus dados pessoais.

AdvertisingNosso site coloca cookies de publicidade para mostrar anúncios de terceiros com base em seus interesses. Esses cookies podem rastrear seus dados pessoais.

OtherNosso site coloca cookies de terceiros de outros serviços de terceiros que não são analíticos, mídia social ou publicidade.