fbpx

Entidades do turismo se unem para promover Brasília e gerar negócios

Entidades que representam o setor de turismo do Distrito Federal assinaram nesta sexta-feira (11), na sede da Fecomércio-DF, um termo de cooperação com o objetivo de promover o turismo de Brasília, além de desenvolver a gestão de projetos que tenham como objetivo a valorização do Distrito Federal. O presidente da Fecomércio, Adelmir Santana, disse que a união entre as instituições é importante para o fortalecimento do setor de turismo de Brasília. Segundo ele, a capital da República tem um potencial enorme para agregar cada vez mais turistas do Brasil e de outros países.

assinatura“O termo de cooperação une pessoas e instituições que estão pensando na evolução da cidade. Estamos precisando de gente assim, que enxergue mais longe e tenha uma visão ampla de Brasília”, disse Adelmir. “Temos uma série de fatores que podem colocar a capital federal em uma posição privilegiada no que diz respeito ao turismo, como o fato de ser a sede dos poderes da República, uma referência mundial em arquitetura, uma cidade que é um museu a céu aberto, que possui uma natureza exuberante, detentora do terceiro polo gastronômico brasileiro e que recebe eventos empresariais e religiosos de destaque, entre outros diferenciais”, ressaltou Adelmir.

Entre as entidades que assinaram o documento estão o Sindicatos das Empresas de Promoção, Organização e Produção de Eventos do DF (Sindeventos), o Sindicato dos Hotéis, Restaurantes, Bares e Similares de Brasília (Sindhobar), a Associação Brasileira de Bares e Restaurantes do DF (Abrasel); a Associação Brasileira de Vendas e Marketing do DF (ADVB-DF); e o Sindicato das Empresas de Turismo (Sindetur). Sindeventos e Sindhobar fazem parte da base da Federação do Comércio.

O presidente do Sindhobar, Jael Antônio da Silva, acredita que esse é o momento de juntar forças para um bem maior. “É nesse momento de dificuldades que é necessário aproveitar as grandes oportunidades que surgem, mesmo quando essas oportunidades são criadas por nós mesmos”, afirmou Jael. Ele salientou ainda que o acordo tem como objetivo principal promover Brasília e agregar as entidades voltadas para o turismo de uma forma mais efetiva e concisa.

“Acredito que quando se junta esforços o objetivo fica mais fácil de ser alcançado. Diga-se de passagem, que o turismo no DF precisa ser mais divulgado fora da nossa cidade, do que efetivamente é. Para se ter uma ideia, a rede hoteleira tem uma taxa de ocupação muito baixa, em torno de 45% em uma média anual, um índice muito pequeno para a capital do País, temos que subir essa taxa o mais rápido possível”, explicou Jael Antônio da Silva.

O presidente do Sindeventos, Francisco Maia, afirmou que a partir de agora o setor de turismo receberá um grande incremento com a criação do grupo. “O turismo é uma coisa tão importante que pode até comportar um plano de governo. O nosso potencial no turismo de eventos também é muito grande. Acredito que é necessário trabalhar nisso, seguindo exemplos de sucesso de outros países, como os Estados Unidos, por exemplo, que tem arenas multiusos onde é agregado um grande número de pessoas”, disse.

Já o vice-presidente da Abrasel, Francisco Emilio Marinho, acredita que a assinatura do termo entre as entidades é uma iniciativa muito importante em um momento crucial. “Em um momento de dificuldades não podemos perder a vontade de criar. Acredito que a melhor solução para superar as dificuldades é ter um setor produtivo unido. A Abrasel quer e vai manter a participação e a presença neste grupo”, informou Francisco.

O presidente do Sindetur, Lamarck Freire Rolim, disse que Brasília é uma cidade diferenciada e por isso ela se torna especial. “Além de ser fruto de um sonho, tornado realidade por JK, nós temos hoje tudo a que precisamos de uma grande cidade, temos um ritmo de metrópole e precisamos dar valor a tudo isso. Estamos de braços abertos e confiantes de que com o nosso trabalho transformaremos o turismo do DF”, destacou.

A presidente da ADVB-DF, Claudia Maldonado Lopes, defendeu que para alavancar o turismo no DF, primeiramente, será necessário fortalecer o turismo interno. “Para ser querida e amada pelos outros, Brasília precisa também ser amada por quem mora aqui. Assim, vamos colocar Brasília no coração de todos os brasileiros”, disse. Também estiveram presentes na reunião a coordenadora do conselho nacional de turismo do Ministério do Turismo, Lena Brasil, e empresários, assessores e diretores do Sistema Fecomércio-DF.

Olá! O nosso site usa cookies e, portanto, coleta informações sobre sua visita para melhorar nosso site. Por favor, consulte nossa página de política de cookies e  para mais detalhes ou concorde clicando no botão 'Aceitar'.

Configurações de cookies

A seguir, você pode escolher os tipos de cookies que permite neste site. Clique no botão "Salvar configurações de cookies" para aplicar sua escolha.

FunctionalNosso site usa cookies funcionais. Esses cookies são necessários para permitir que nosso site funcione.

AnalyticalNosso site usa cookies analíticos para permitir a análise de nosso site e a otimização para o propósito de usabilidade.

Social mediaNosso site coloca cookies de mídia social para mostrar conteúdo de terceiros, como YouTube e Facebook. Esses cookies podem rastrear seus dados pessoais.

AdvertisingNosso site coloca cookies de publicidade para mostrar anúncios de terceiros com base em seus interesses. Esses cookies podem rastrear seus dados pessoais.

OtherNosso site coloca cookies de terceiros de outros serviços de terceiros que não são analíticos, mídia social ou publicidade.