fbpx

Em reunião com Ibaneis, Fecomércio-DF pede que governo avalie a reabertura segura de alguns segmentos

O presidente em exercício da Fecomércio-DF, junto com representantes de outras entidades do setor produtivo da capital do País, esteve reunido com o governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha, e secretários de governo, na manhã desta segunda-feira (1º), no Palácio do Buriti. A pedido da Fecomércio, o governador disse que avaliará ainda essa semana a reabertura de alguns segmentos econômicos, de forma gradativa e segura. Durante o encontro, Ibaneis afirmou que sabe do sofrimento dos trabalhadores e dos empresários de todos os setores e que trabalhará para retomar as atividades no menor prazo possível.

De acordo com o presidente em exercício da Fecomércio-DF, Edson de Castro, a entidade sabe o momento delicado que o DF está passando, em decorrência do alastramento do vírus. Porém, é necessário haver um meio termo, para que não haja mais prejuízos para a economia local. “O governador garantiu que se houver uma diminuição na contaminação ele reavaliará o lockdown. Pode ser que durante essa semana eles consigam liberar mais segmentos. Vamos continuar dialogando para que isso seja feito de forma ordenada e com a maior segurança possível, para evitar mais demissões e falências na cidade”, concluiu Edson.

O presidente do Sindicato de Hotéis, Bares e Restaurantes (Sindhobar-DF), Jael Antonio da Silva, também participou da reunião. “O governo alega que a situação é grave e que os índices extrapolaram todas as expectativas. Ele também destacou que está providenciando um aumento na quantidade de leitos. Esperamos um posicionamento para a reabertura e vamos continuar acompanhando para que o empresário não sofra mais do que já está sofrendo”, enfatizou Jael.

Também estiveram presentes na reunião: representantes de escolar particulares; o presidente da Federação das Indústrias do DF (Fibra-DF), Jamal Bittar; o superintendente do Sebrae-DF, Valdir Oliveira; o presidente da Câmara Legislativa do DF, Rafael Prudente e secretários de governo, entre eles: Secretário de Economia, André Clemente; chefe da Casa Civil, Gustavo do Vale Rocha; secretário de Desenvolvimento Econômico, José Eduardo; secretário de Estado de Segurança Pública; Anderson Gustavo Torres; secretário de governo, José Humberto Pires e o secretário de Saúde, Osnei Okumoto.

Olá! O nosso site usa cookies e, portanto, coleta informações sobre sua visita para melhorar nosso site. Por favor, consulte nossa página de política de cookies e  para mais detalhes ou concorde clicando no botão 'Aceitar'.

Configurações de cookies

A seguir, você pode escolher os tipos de cookies que permite neste site. Clique no botão "Salvar configurações de cookies" para aplicar sua escolha.

FunctionalNosso site usa cookies funcionais. Esses cookies são necessários para permitir que nosso site funcione.

AnalyticalNosso site usa cookies analíticos para permitir a análise de nosso site e a otimização para o propósito de usabilidade.

Social mediaNosso site coloca cookies de mídia social para mostrar conteúdo de terceiros, como YouTube e Facebook. Esses cookies podem rastrear seus dados pessoais.

AdvertisingNosso site coloca cookies de publicidade para mostrar anúncios de terceiros com base em seus interesses. Esses cookies podem rastrear seus dados pessoais.

OtherNosso site coloca cookies de terceiros de outros serviços de terceiros que não são analíticos, mídia social ou publicidade.