fbpx

Confiança do empresário registra menor patamar no Distrito Federal

por acm

O ano de 2015 começou com pessimismo para o comércio do Distrito Federal. O índice que mede a confiança dos empresários da região registrou 99,5 pontos em fevereiro, o patamar mais baixo da série histórica da pesquisa, que teve início em março de 2011. Na comparação com janeiro, o indicador de confiança teve queda de 4,8 pontos. Em relação ao mesmo período do ano passado, o índice teve uma retração de 20,4 pontos. É o que mostra o Índice de Confiança do Empresário do Comércio (Icec), divulgado pela Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do DF (Fecomércio).

Valores abaixo de 100 pontos indicam pessimismo por parte do setor. Na opinião do presidente da Fecomércio-DF, Adelmir Santana, as vendas no comércio durante todo o ano de 2014 foram abaixo do esperado, o que contaminou a confiança do empresário brasiliense. “Esse resultado é o reflexo do desaquecimento da economia e das incertezas na eficácia da política econômica adotada e proposta para o País. Hoje temos um cenário de redução na oferta de créditos, juros elevados, inflação alta e a queda na intenção de consumo das famílias”, explica Adelmir Santana. “É natural que com a queda nas vendas e na intenção de consumo das famílias, a confiança do empresário nos rumos dos negócios também caia”, afirma.

O economista da Confederação Nacional do Comércio (CNC), Fábio Bentes, explica que o DF vem tendo um rendimento abaixo das outras unidades da Federação, o que implica no baixo nível de confiança dos empresários. Segundo ele, o índice pode continuar caindo durante os próximos meses, já que o comércio não deve apresentar recuperação no primeiro trimestre. A análise mostra ainda que 46,6% dos entrevistados afirmaram que as condições atuais da economia pioraram muito e 36,6% disseram que pioraram pouco. O Icec tem como objetivo produzir um indicador com capacidade de medir a percepção que os empresários do comércio têm sobre o nível atual e futuro de propensão a investir em curto e médio prazo na economia brasileira.

Olá! O nosso site usa cookies e, portanto, coleta informações sobre sua visita para melhorar nosso site. Por favor, consulte nossa página de política de cookies e  para mais detalhes ou concorde clicando no botão 'Aceitar'.

Configurações de cookies

A seguir, você pode escolher os tipos de cookies que permite neste site. Clique no botão "Salvar configurações de cookies" para aplicar sua escolha.

FunctionalNosso site usa cookies funcionais. Esses cookies são necessários para permitir que nosso site funcione.

AnalyticalNosso site usa cookies analíticos para permitir a análise de nosso site e a otimização para o propósito de usabilidade.

Social mediaNosso site coloca cookies de mídia social para mostrar conteúdo de terceiros, como YouTube e Facebook. Esses cookies podem rastrear seus dados pessoais.

AdvertisingNosso site coloca cookies de publicidade para mostrar anúncios de terceiros com base em seus interesses. Esses cookies podem rastrear seus dados pessoais.

OtherNosso site coloca cookies de terceiros de outros serviços de terceiros que não são analíticos, mídia social ou publicidade.