fbpx

Brasília em painéis

por acm

Adelmir Santana
Presidente do Sistema Fecomércio-DF (Fecomércio, Sesc, Senac e Instituto Fecomércio).

Há 55 anos, o Planalto Central não passava de um cerrado inabitado. Brasília foi constiuída nesse terreno, onde a terra vermelha ganhou o branco dos monumentos e o silêncio foi trocado pelas máquinas do progresso. Muitos foram os responsáveis pelo ato heroico de construir uma cidade no meio do nada. Mas o que poucos sabem é que grande parte desses personagens viveu no Brasil colonial. Passaram-se mais de 250 anos desde a ideia até a concretização da nova capital federal. No mês em que a cidade comemora o seu aniversário, o Serviço Social do Comércio (SESC) no DF não poderia deixar de resgatar essa memória trazendo de volta, com novidades, a exposição Construtores de Brasília. Publicado no Jornal de Brasília, segunda-feira, dia 13 de Abril de 2015.

Composta por 58 painéis, o visitante terá a oportunidade de conhecer cronologicamente a biografia de homens e mulheres que, em períodos diferentes da história do Brasil, perseguiram o sonho de integrar o País por meio da construção de Brasília. A exposição está dividida entre os visionários, os legisladores e os edificadores. A história começa em 1761 com o Marquês de Pombal, primeiro idealizador, e passa por figuras conhecidas como Hipólito da Costa, José Bonifácio, Dom Bosco, Epitácio Pessoa, Juscelino Kubitschek, Lucio Costa e Oscar Niemeyer, entre outros.

Vale lembrar que a exposição foi aberta pela primeira vez em 2014 e recebeu mais de 70 mil pessoas durante os dois meses em que ficou na área externa do Museu Nacional. Ao longo desse período, o SESC abriu espaço para sugestões do público e incorporou outros nomes inéditos a mostra. Desta vez, a exposição estará na área externa do Panteão da Pátria, na Praça dos Três Poderes, justamente onde Niemeyer resolveu homenagear os grandes nomes nacionais. Ficará aberta 24 horas por dia, entre 18 de abril e 8 de junho. Com essa ação, o SESC demonstra mais uma vez a sua preocupação em valorizar a cultura e a educação. Vale a pena conhecer essa história.

Publicado no Jornal de Brasília, segunda-feira, dia 13 de Abril de 2015.

Olá! O nosso site usa cookies e, portanto, coleta informações sobre sua visita para melhorar nosso site. Por favor, consulte nossa página de política de cookies e  para mais detalhes ou concorde clicando no botão 'Aceitar'.

Configurações de cookies

A seguir, você pode escolher os tipos de cookies que permite neste site. Clique no botão "Salvar configurações de cookies" para aplicar sua escolha.

FunctionalNosso site usa cookies funcionais. Esses cookies são necessários para permitir que nosso site funcione.

AnalyticalNosso site usa cookies analíticos para permitir a análise de nosso site e a otimização para o propósito de usabilidade.

Social mediaNosso site coloca cookies de mídia social para mostrar conteúdo de terceiros, como YouTube e Facebook. Esses cookies podem rastrear seus dados pessoais.

AdvertisingNosso site coloca cookies de publicidade para mostrar anúncios de terceiros com base em seus interesses. Esses cookies podem rastrear seus dados pessoais.

OtherNosso site coloca cookies de terceiros de outros serviços de terceiros que não são analíticos, mídia social ou publicidade.