fbpx

Ambientes decorados conquistam clientes que postam fotos nas redes sociais

Fernando Lana, sócio do Vila Tarêgo

Luzes de neon, drinques diferentes, pinturas nas paredes, mobília decorativa e muitos outros itens fazem parte do novo conceito que alguns estabelecimentos estão adotando para atrair cada vez mais o público. Essa nova tendência que também é conhecida como “instagramável”, rendem muitas fotos de clientes que além de comerem e se divertirem, identificam nas redes sociais o nome do lugar. Com isso, se gera uma propagando espontânea do local por meio das fotos compartilhadas.

Segundo o consultor e diretor da Valorum Gestão Empresarial, Marcos Melo, é importante se preocupar com o ambiente nesses novos tempos de redes sociais. “O empresário precisa estar atento e observar o comportamento dos consumidores. Hoje percebemos que a participação das pessoas está maior nas redes sociais, tivemos vários momentos com o Orkut, Facebook e agora mais intenso com o Instagram, o qual percebemos um grande volume de informação. Por isso, é necessário que o empresário tenha em seu cenário um ambiente que promova e estimule as fotos e selfies. É uma divulgação gratuita que muitas vezes é abrangente”, afirma.

De acordo ainda com o especialista Marcos Melo, qualquer ambiente se devidamente trabalhado pode ser instagramável. “É possível transformar qualquer tipo de varejo em instagramável, existem inúmeras possibilidades, basta procurar algo que tenha alguma relação com o empreendimento. Procurar um consultor, um designer de interiores e arquiteto irá auxiliar a tornar o espaço mais convidativo. É natural que os empresários busquem melhorar os seus espaços e não apenas por conta de clientes que vão tirar foto, faz parte do negócio. Mas não é só no ambiente que se deve dar o foco, o atendimento, o cardápio e a limpeza também compõem a estrutura, pois do contrário a mensagem ao invés de positiva no Instagram será negativa”, concluiu.

Neon e drinques

Inaugurado em junho deste ano na 413 Sul, o bar Lah teve o projeto de decoração pensando em ser instagramável, com uso de iluminação com LED e neon na escada. O sócio proprietário do estabelecimento, Luiddy Martins, explica como surgiu a ideia. “Foi inspirado em pubs europeus em um conceito sem garçons, poucas mesas, incentivando a inteiração dos clientes, tendo se firmado como ponto de encontro de quarta a domingo para o público LGBT e apreciadoras de coquetéis. São quatro ambientes diferenciados e diversos cenários instagramáveis que complementam a fama do local”, contou.

Luiddy Martins e a decoração de LED do bar Lah

O público pode encontrar entre os serviços diversos tipos de bebidas. “Um cardápio de coquetéis variados criados pelo mixologista chileno Diego Guaita, drinques personalizados para os nossos clientes e que se pode experimentar serviço rápido, mas com muita qualidade de mixologia e coquetelaria. São diversos rótulos de cervejas e petiscos práticos estilo finger food criado pela chef Rayza Barbosa”, explicou Luiddy.

O bar abre de quarta-feira a domingo das 20h às 4h e chega a receber aproximadamente 1,5 mil pessoas por semana. O proprietário fala sobre as áreas em que os clientes gostam de tirar fotos. “O bar foi pensado de forma a possuir diversos espaços instagramáveis, tais como: bolo de neon no espaço reservado para aniversariantes, um neon de coração que faz o maior sucesso com os casais apaixonados e também com os solteiros que amam fazer uma piada. Temos um cantinho monocromático verde que gera fotos super divertidas e o sucesso da casa que é a escada de luzes. Além do mais, temos nossos drinks que também são sempre pensados em trazer um visual instagramável”, revelou.

O empresário acredita que o movimento aumentou por meio desses espaços em que as pessoas tiram fotos e marcam no Instagram. “O nosso espaço de fato foi pensado com esse intuito. Fizemos uma pré-inauguração apenas para convidados e já tivemos um boom no nosso Instagram assim que as primeiras fotos foram postadas. Nos primeiros três meses nossa página no Instagram alcançou 10 mil seguidores e atualmente contamos com mais de 17 mil seguidores na página apenas com marketing indireto através de reportagem de nossos clientes”.

Para o proprietário do Lah, Luiddy Martins, o Instagram ajuda a movimentar o estabelecimento. “O Instagram é hoje nosso principal meio de comunicação. É por lá que divulgamos nossas programações, promoções e fazemos as reservas de aniversários”, contou. Ele também adianta os projetos futuros para tornar o espaço mais instagramável. “Futuramente faremos mais cenários que irão explorar boa iluminação com cenografias interativas. Vem muita coisa boa sendo pensada por ai”, concluiu.

Espaços diversificados

Art, burguer e bar são os três pilares que o restaurante Vila Tarêgo, localizado no Parkway, utiliza para atrair o público. Inaugurado em outubro de 2018, o local conta com 2,5 mil metros quadrados divididos em vários espaços diferenciados. O sócio gestor do empreendimento, Fernando Lana, conta como surgiu a ideia de abrir o restaurante. “Eu já gostava de hambúrguer e comecei a estudar as possibilidades junto com mais um sócio. Durante um ano reunimos as ideias e hoje contamos com quatro sócios. Já sabia que seria uma arquitetura industrial com contêineres e viajamos para ter mais referenciais”, revelou.

O Vila Tarêgo recebe em média seis mil clientes por mês, e abre de terça a domingo a partir de 17h03, e fecha de terça a quinta e domingo às 23h03. Já  sexta-feira e sábado fecha 00h01. O estabelecimento serve um cardápio variado. “Temos hambúrgueres, entradas, chopps, drinques elaborados na parte superior da casa, milk-shakes e alguns pratos especiais de temporada. Em 45 dias sempre sai algo novo”, contou Fernando.

Além do cardápio que segue um padrão instagramável, o ambiente foi todo planejado com esse intuito. “Os espaços foram pensados para atrair o público. Contamos com um ambiente com areia e cadeira de praia, um espaço para cachorros, jardim que agora ganhou nova decoração por conta da temporada de chuvas, um bar na parte superior, além de mobílias diferenciadas, luzes de neon e pinturas nas paredes. O destaque fica por conta de uma asa grafitada de 4 metros por 3, que é uma obra dos artistas Toys e Omik. As pessoas gostam de tirar foto lá”, destacou o sócio gestor.

De acordo com Fernando Lana, eles recebem toda semana em média seis pedidos de pessoas querendo fazer ensaios fotográficos no local. Ele também conta que já chegou a receber 100 pessoas para uma festa de aniversário e, até pedidos de casamentos ocorrem no espaço. “A nossa ideia é tornar aqui um ponto turístico, o qual a pessoa pode vir pela comida e também para conhecer o ambiente”.

Fernando acredita que o movimento aumentou por meio desses espaços em que as pessoas tiram fotos. “Temos um crescimento de 50 a 60 seguidores por dia no Instagram. O público feminino ajuda bastante a divulgar espontaneamente o nosso restaurante. Inclusive, já fiz reforma na entrada e coloquei uma rampa porque muitos filmavam quando entravam e tropeçavam no degrau. Sou uma pessoa digital e estou atendo a todos os detalhes para que a experiência seja a melhor possível”, finalizou.

Cervejas na fábrica

Paulo César Borges mostra o lugar preferido do público para selfie

O Hop Capital Beer oferece ao público, além de uma variedade de cervejas artesanais, a possibilidade dos clientes tirarem fotos diferenciadas. Localizada no SIA desde março de 2018, o local surgiu pela paixão de um dos sócios pela bebida. O diretor executivo da empresa, Luiz Gottschall, conta um pouco da história. “O sócio e engenheiro brasiliense Paulo Cesar fez uma imersão em San Diego, na Califórnia. Ele foi beber na fonte porque a cerveja artesanal americana vem promovendo grande revolução no universo cervejeiro, com utilização de lúpulos em quantidades generosas e métodos de produção inovadores. Aprofundou-se na teoria e prática relacionadas a toda cadeia produtiva da cerveja artesanal. Especializou-se na alquimia de transmutar lúpulos em cervejas diferenciadas em aromas, sabores, texturas, coloração, características como toque floral ou de frutas. A partir dessa gênese vem à luz a Hop Capital Beer”, contou.

O bar funciona de quarta a sábado e fecha 1h e chega a receber uma média de quatro mil pessoas por mês. Entre os serviços o público pode encontrar um ambiente estilo PUB, delivery de chopp e cerveja, além de poder realizar e participar de eventos internos e externos. O diretor executivo da empresa, Luiz Gottschall, explica que a marca não surgiu com a ideia de ser instagramável, mas confessa que hoje se tornaram. “Não foi pensando muito nesse intuito. Sabíamos que chamaria atenção. Como somos um Brew Pub e temos a fábrica de cerveja com visualização ampla, muitas pessoas gostam de tirar fotos no local. Além disso, temos algumas pinturas de artistas locais que também chamam atenção. Sem dúvida somos instagramáveis e isso ajuda a espalhar a marca. E pelo que acompanhamos nas redes sociais, as cervejas são as mais postadas. A intenção é de continuarmos evoluindo. Atualmente temos uma equipe dedicada para este desafio”, concluiu Luiz.

Mais que um hotel

Não é só em restaurantes e bares que é possível ter esses espaços instagramáveis. No Setor Hoteleiro Norte, o B Hotel Brasília proporciona uma experiência diferente. Inaugurado em janeiro de 2018, o hotel possui um espaço com bar no rooftop que surgiu primeiramente como um local de lazer para os hóspedes com piscina e atendimento de bar. Logo depois, virou um espaço de entretenimento para o público de Brasília, com programação musical e um lugar diferenciado dentro da cidade.

O rooftop abre diariamente a partir das 17h para não hóspedes e fecha às 0h. De acordo com a equipe do B Hotel Brasília as postagens no Instagram surgiram espontaneamente. “Uma das áreas mais fotografadas do B é o rooftop. As paredes de cobogó, a piscina e o visual da cidade atraem o público para gerarem conteúdo. O espaço não foi pensado com esse intuito, mas sim pensado para ser um lugar visualmente agradável para receber o público do hotel. O conteúdo espontâneo veio como um bônus para o projeto de Isay Weinfeld”, afirmou.

As publicações de conteúdo no Instagram aumentaram a curiosidade. “Recebemos diariamente solicitações de noivas e grávidas com o intuito de fotografar no hotel. Automaticamente aumenta o movimento no local. O compartilhamento de imagens ajuda na notoriedade dos espaços e atiça a curiosidade do público em potencial. O compartilhamento das imagens gera movimento e consequentemente nossa rede de seguidores cresce. Isso ajuda sim na movimentação do hotel, pois gera um certo senso de pertencimento”, apontou.

 

Olá! O nosso site usa cookies e, portanto, coleta informações sobre sua visita para melhorar nosso site. Por favor, consulte nossa página de política de cookies e  para mais detalhes ou concorde clicando no botão 'Aceitar'.

Configurações de cookies

A seguir, você pode escolher os tipos de cookies que permite neste site. Clique no botão "Salvar configurações de cookies" para aplicar sua escolha.

FunctionalNosso site usa cookies funcionais. Esses cookies são necessários para permitir que nosso site funcione.

AnalyticalNosso site usa cookies analíticos para permitir a análise de nosso site e a otimização para o propósito de usabilidade.

Social mediaNosso site coloca cookies de mídia social para mostrar conteúdo de terceiros, como YouTube e Facebook. Esses cookies podem rastrear seus dados pessoais.

AdvertisingNosso site coloca cookies de publicidade para mostrar anúncios de terceiros com base em seus interesses. Esses cookies podem rastrear seus dados pessoais.

OtherNosso site coloca cookies de terceiros de outros serviços de terceiros que não são analíticos, mídia social ou publicidade.