fbpx

Câmara lança Frente Parlamentar Mista do Bombeiro Civil

Com o objetivo de estimular a conscientização, defesa e desenvolvimento de uma categoria que atua na segurança de pessoas, patrimônio e meio ambiente, a Câmara dos Deputados lançou nesta quinta-feira (27) pela manhã, no Auditório Nereu Ramos, a Frente Parlamentar Mista em Defesa e Desenvolvimento da Profissão de Bombeiro Civil. O Sindicato das Empresas Prestadoras de Serviços e Especializadas em Bombeiro Civil do Distrito Federal (Sepebc-DF) apoiou a iniciativa, que teve a mesa composta pelos deputados federais Rôney Nemer (PP/DF), Augusto Carvalho (SD/DF), Erika Kokay (PT/DF), Carlos Gaguim (PTN/TO), pelo deputado distrital Rafael Prudente (PMDB/DF) e pelo senador Helio José (PMDB/DF), além do presidente do Sepebc, Aldo Magalhães e de outros representantes do setor.

227-10-2016-lancamento-frente-parlamentar-do-bombeiro-civil-18

De acordo com Aldo, a frente é uma ferramenta importante para o trabalho de regulamentação da profissão. “Esta é uma oportunidade para firmar um compromisso para a defesa e desenvolvimento da profissão de Bombeiro Civil em todo território nacional e em todas as áreas de atuação deste profissional. Queremos discutir de forma ampla o assunto visando garantir à população qualidade e quantidade suficiente de serviços de bombeiros”.

Representando a Fecomércio, o assessor legistalivo Athayde Passos da Hora destacou que a instituição apoia a profissão. “O Sepebec se filiou à Fecomércio e dessa forma unimos forças para acompanhar de perto as discussões que são de interesse da categoria, que é indispensável à segurança do Brasil”.

Para o presidente da Frente Parlamentar, Rôney Nemer, a criação é de grande relevância para o setor. Segundo ele, os parlamentares envolvidos se comprometem a cumprir a Lei Federal 11.901/2009, que regulamenta a profissão no País. “O lançamento da frente propiciará um direcionamento e uma condução de maneira legal do que está previsto na lei”, diz. Já o autor da Lei, deputado Augusto Carvalho, revalida a necessidade dessa discussão em torno do setor. “Queremos que a lei seja cumprida e que comece pela nomenclatura. Pela redação da lei a categoria deve ser conhecida como Bombeiro Civil, não brigadista, como é hoje”.

Olá! O nosso site usa cookies e, portanto, coleta informações sobre sua visita para melhorar nosso site. Por favor, consulte nossa página de política de cookies e  para mais detalhes ou concorde clicando no botão 'Aceitar'.

Configurações de cookies

A seguir, você pode escolher os tipos de cookies que permite neste site. Clique no botão "Salvar configurações de cookies" para aplicar sua escolha.

FunctionalNosso site usa cookies funcionais. Esses cookies são necessários para permitir que nosso site funcione.

AnalyticalNosso site usa cookies analíticos para permitir a análise de nosso site e a otimização para o propósito de usabilidade.

Social mediaNosso site coloca cookies de mídia social para mostrar conteúdo de terceiros, como YouTube e Facebook. Esses cookies podem rastrear seus dados pessoais.

AdvertisingNosso site coloca cookies de publicidade para mostrar anúncios de terceiros com base em seus interesses. Esses cookies podem rastrear seus dados pessoais.

OtherNosso site coloca cookies de terceiros de outros serviços de terceiros que não são analíticos, mídia social ou publicidade.