O comércio varejista brasileiro registou o melhor resultado para o mês de janeiro em cinco anos. No conceito ampliado o varejo cresceu 6,5% em janeiro de 2018 quando comparado com 2017. É o que diz pesquisa divulgada nesta terça-feira (13), pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

O segmento de comércio automotivo foi o que teve o maior desempenho com crescimento de 18,2%. Os ramos de artigos de uso pessoal e doméstico (10,5%) e materiais de construção (7,3%) também tiveram destaques positivos. Diante disso, a Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC) revisou sua projeção para o volume de vendas no varejo ampliado de 5,0% para 5,2% ao fim de 2018.

Na opinião do departamento econômico da CNC,  a ancoragem das expectativas em relação à inflação  deverá viabilizar a intensificação da queda das taxas de juros  nos próximos meses e, consequentemente, permitir a continuação do processo de recuperação do volume de vendas do setor.