A convite do governador de Goiás, Marconi Perillo, uma comitiva da Federação do Comércio do DF participou na última quinta e sexta-feira, em Palmas (TO), da terceira reunião do Fórum dos Governadores do Brasil Central. Ao lado da delegação do governador Rodrigo Rollemberg, levamos para o encontro uma proposta de fortalecimento do turismo na região, como uma maneira de ampliar o desenvolvimento do Distrito Federal, de Goiás, Tocantins, Mato Grosso e Mato Grosso do Sul. Acreditamos que para atingir esse objetivo é preciso posicionar a região como um destino turístico integrado.

A concretização dessa estratégia implica na valorização da imagem do Brasil Central, que tem procurado um conceito mais focado nas suas belezas naturais, como cachoeiras e rios, na cultura extremamente rica do interior, na aventura que é desbravar essas terras e no turismo das águas termais. Com essa lógica, queremos buscar a expansão da atividade turística e o fortalecimento das empresas desse setor, pois temos a certeza de que a concorrência contribui para melhorar o ambiente de negócios. Nesse contexto, apresentamos uma proposta de união dos cinco conselhos empresariais de turismo das Federações do Comércio dessas unidades federativas.

É fato que um mercado unido representa um diferencial competitivo. Por isso, a integração dessas entidades, com o apoio dos respectivos governos de cada estado, deve ser buscada como condição de sucesso para o turismo no Brasil Central. Temos a crença de que um programa integrado só se justifica na medida do interesse das instituições em compartilhar este desafio. A Fecomércio do Distrito Federal acredita no setor turístico como fonte de desenvolvimento e está lutando para fazer de Brasília não só a capital de todos os brasileiros, mas o ponto de partida para quem deseja conhecer um Brasil do interior, repleto de cultura, aventura e natureza exuberante.